A quem pertence a cidade? Experiências de negros/as nos espaços urbanos da cidade de São Luís/MA Oitocentista

Iraneide Soares da Silva, Célia Rocha Calvo

Resumo


Seguir os caminhos da experiência a partir das memórias deixados por trabalhadores e trabalhadoras negras num espaço urbano do século XIX são os nortes para a elaboração deste ensaio. Trata-se de um texto extraído da tese de doutoramento em curso no âmbito do programa de Pós-Graduação em história na Universidade Federal de Uberlândia/UFU. A tese trata de escravidão negra e urbana no Maranhão da primeira metade do século XIX, com ênfase para a cidade de São Luis como uma cidade negra no extremo nordeste brasileiro, com 51% da sua população formada pelos africanos e seus descendentes nas primeiras décadas do século XIX. Utiliza-se como fonte Inventários post morte e testamentos; documentos procedentes da secretaria de polícia (partes do dia) e a imprensa jornalística. Considera-se, a partir de uma perspectiva da história social que, apesar da invisibilidade e exclusão dos projetos de cidade e, de toda ordem, os trabalhadores/as escravizados/as estavam lá e deixaram marcas importantes naquela cidade de São Luís que já é uma cidade negra nas primeiras décadas dos anos de 1800.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


****************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************

v. 11, n. 1 (7): Sociedade, Cultura ,Trabalho: Diálogos sobre fronteiras no Mundo Rural (PARTE - I)

 

 



****************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************************

Próximos dossiês (Chamadas abertas)

História da Educação

Data limite para o envio das propostas: 04 de setembro de 2020

 

História Medieval: Experiencias do passado, perspectivas contemporâneas

Data limite para o envio das propostas: 02 de outubro de 2020


Email para envio de propostas:

vpduespi@gmail.com

 

Normas de Publicação


Indexadores: